Museu da História do Exército

Museu da História do Exército

O Museu da História do Exército abriga exposições que ilustram as proezas realizadas pelo exército austríaco desde o século XVI, como o assédio turco de 1683 até as Guerras Napoleônicas.

O Museu tem um aspecto de fortaleza e está localizado nas instalações militares chamadas Arsenal, lugar que abriu pela primeira vez suas portas em 1856, o que faz dele o museu mais antigo de Viena. 

O museu por dentro

No hall são expostas 56 estátuas de comandantes do exército talhadas em mármore de tamanho natural.

As exposições seguem uma ordem cronológica, começando no primeiro andar com o assédio turco, as guerras do século XIII e a vitória de Napoleão sobre a Áustria.

Em cada sala podemos encontrar um folheto com informações que explicam cada uma das épocas.

No térreo estão os objetos pertencentes aos séculos XIX e XX, como uniformes, carros e armamento, além da artilharia pesada usada durante a Primeira Guerra Mundial.

Sala em homenagem a Francisco Fernando

Uma das salas mais importantes do museu é onde estão alguns objetos pessoais do Arquiduque Francisco Fernando, além do carro em que foi assassinado em 1914 durante uma visita a Sarajevo. O assassinato daquele que havia sido herdeiro do trono teve graves repercussões que provocaram uma crise internacional que finalmente desembocou na II Guerra Mundial.

Para os apaixonados por história

O Museu da História do Exército conta com exposições bastante interessantes, embora não o consideremos um museu imprescindível de Viena. Se você tiver bastante tempo na cidade e estiver interessado em conhecer seu passado, pode ser uma boa opção visitá-lo.

Depois de passear nele, é uma boa ideia ir a pé ao Palácio Belvedere, já que estão bastante próximos.

Horário

Todos os dias, das 9:00 às 17:00 horas.
Fechado: 1º de janeiro, Domingo de Páscoa, 1º de maio, 1º de novembro, 25 de dezembro e 31 de dezembro.

Preço

Adultos: 6€.
Estudantes e terceira idade: 4€.
Menores de 19 anos: entrada gratuita.
Primeiro domingo do mês: entrada gratuita.

Acesso gratuito com Vienna Pass.

Transporte

Bonde: Heinrich Drimmel Platz, linha 18.
Ônibus: Ghegastraße, linha 69A.